Blog Deixa Comigo Macajuba (DCM): Em protesto macajubense doa R$ 220,00 a gari pela coragem salário é de R$ 110 reais sem reajuste há mais de 4 anos

terça-feira, 9 de maio de 2017

Em protesto macajubense doa R$ 220,00 a gari pela coragem salário é de R$ 110 reais sem reajuste há mais de 4 anos

|    
(Foto do comprovante)
A matéria postada no Blog Deixa Comigo Macajuba (DCM) no último dia 02 de maio de 2017, um dia depois do feriado do dia do trabalhador, deu o que falar um gari corajoso levou a público sobre a triste realidades dos profissionais em Macajuba.

Apesar de não trabalhar o dia todo, o salário do gari em Macajuba não aumenta há mais de 4 anos, claro que dividir o salário consegue empregar mais garis, um gari que pediu para não ser identificado, procurou a reportagem do Blog Deixa Comigo Macajuba (DCM), ele disse que agradece muito o trabalho, mas reconhece que os profissionais deveriam ser mais valorizados em Macajuba, ele disse que tem mais de 4 anos que o salário do gari não aumenta, os garis trabalham 15 dias recebem R$ 110 (cento e dez), fica 15 dias sem trabalhar retornando 15 dias depois.

Isso significa que o gari ganha R$ 110 em 15 dias de um mês mais R$ 110 em 15 dias do outro mês, que da R$ 210, R$ 110 em cada quinzena sendo que trabalham 15 dias e 15 dias ficam parados.

O assunto ganhou repercussão nas redes sociais, em protesto um morador do distrito de Nova Cruz que mora em SP, doou R$ 220,00 (duzentos de vinte reais) ao gari pela coragem de denunciar no Blog Deixa Comigo Macajuba (DCM), o macajubense que pediu para não ser identificado depositou o dinheiro na conta do Blog e foi passado para o gari.

O assunto vem sendo destaques nas duas últimas sessões e os vereadores Allison Santana e Everaldo Macêdo debateram sobre o assunto no grupo de WhatsApp do Blog Deixa Comigo Macajuba (DCM)

Allison postou:

Gostaria de agradecer a aqueles que por educação respeito e consideração mim defenderam em alguns comentários aqui postados de antemão deixo claro que não irei debater opiniões de A ou de B por que cada um tem sua opinião formada assim como tenho a minha desde quando haja o respeito estou aqui para colaborar principalmente dialogar com pessoas de mente aberta por tanto a título de esclarecimento afirmo que acho muito positivo essa discussão essas opiniões em relação ao percentual que um gari ganha por hora trabalhada o que vejo aqui é uma distorção nas informações por que pelo que todos sabem pra se ganhar um salário mínimo tem se trabalhar oito horas diárias o que não é o caso do gari de Macajuba que pôr sinal não tem vínculo nenhum direto com a prefeitura isso todos sabem.

Quero deixar bem claro que também sou a favor de que se pague melhor ou por que não o salário mínimo mas a realidade do nosso município é outra infelizmente para isso acontecer seria preciso um concurso público o qual por lei qualquer pessoa até mesmo de outra cidade pode concorrer o que com certeza irá tirar vagas dos nossos municípies por tanto isso acarretaria em um aumento maior de pessoas carentes sem emprego ou sem renda nenhuma mas vamos lá se todos os garis tiverem de comum acordo sabendo dos riscos estou disposto a levar a proposta para a prefeita e assim quem tiver a sorte é o mérito de conquistar seu espaço ótimo os demais paciência.



Everaldo respondeu:

Aproveitando a disponibilidade do colega, vereador Alisson Santana, eu gostaria de fazer três perguntas que escuto muito do povo macajubense:



1. É justo um gari ganhar R$ 110,00 por quinzena, enquanto que a empresa terceirizada contratada pela prefeitura para gerir os garis recebe aproximadamente R$ 120.000,00 por mês?



2. O colega disse que o "gari de Macajuba... não tem vínculo nenhum direto com a prefeitura", então por que periodicamente um dos secretários da Prefeitura vai a praça de eventos efetuar pagamento aos garis?



3. Outra afirmação do colega foi "todos sabem para se ganhar um salário mínimo tem se trabalhar oito horas diárias o q não é o caso do gari". No entanto, o colega foi presidente da Câmara e permitiu que os funcionários da Casa ganhassem mais de um salário mínimo para trabalhar 4 horas por dia. Essa situação perdura até hoje, o salário mais baixo dentre os funcionários da câmara é acima dos R$ 1.000,00 e os funcionários continuam trabalhando apenas 4 horas por dia. Essa situação dos funcionários da câmara está correta, colega?



Acho que devemos aproveitar espaços públicos e democráticos, como é o caso desse grupo, para discutirmos as situações relevantes do nosso município. Palavras de Everaldo.

Na sessão desta segunda-feira, 08 de maio de 2017, o vereador Allison, voltou a falar do assunto e disse que a prefeita está buscando melhorias em relação aos garis, mas disse que isso não é por causa do que foi dito nas redes socais.

O Blog Deixa Comigo Macajuba (DCM) também recebeu um WhatsApp de uma gari que toma remédios controlados e foi afastada durante a política, segundo ela já pediu o serviço de volta diversas vezes e a prefeita Mary e sua equipe negou, nos áudios enviados ao Blog ela que disse que não sabia ler demonstrou revolta, mesmo sendo pouco ela disse que necessita do emprego.



Publicidade 



 Filomena Tend Tudo, breve em Nova Cruz

O Espaço para comentar a matéria está logo abaixo: Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Blog Deixa Comigo Macajuba (DCM).

Comente com o Facebook:

Deposito de Bebidas São Bernardo

Bebidas, Gelo, Água, Carvão, Descartáveis e muito mais. Aberto todos os dias das 8:00 as 19 horas. Trabalhamos com evento, temos excelentes preços.

Disque entrega: (74)9 99448708 Direção Lais e Robson

AV. Frederico Costa, N 66. Centro, Macajuba BA

Arquivo do blog

Total de Visitas

Relatório de visitas

Volte ao ▲ Topo