terça-feira, 26 de fevereiro de 2019

Jovem da localidade do Bravo zona rural de Macajuba denuncia que farmácias da cidade não entendeu letra de médico que o atendeu no Hospital Julieta Sampaio



Na manhã de segunda-feira, 25 de fevereiro de 2019, o jovem Jerferson de 18 anos, morador da localidade do Bravo Zona Rural de Macajuba deixou uma receita médica na redação do Blog Deixa Comigo Macajuba(DCM) demonstrando indignação, ele contou que no final de semana passou mal e foi medicado no Hospital Julieta Sampaio em Macajuba, mas que nem a própria Farmácia do Hospital e nem as Farmácias particulares conseguiram entender o nome do remédio que estava na receita.

Na manhã desta terça-feira,26 de fevereiro de 2019, pegamos a receita e fomos em duas Farmácias do distrito de Nova Cruz e também ninguém entendeu o que estava escrito e nem a Farmacêutica do PSF, apenas uma enfermeira do PSF conseguiu decifrar o nome do medicamento que segundo ela é Meclin, que serve para náuseas e vômitos.

Nossa reportagem tentou o contato com o Secretário de saúde para comunicar a denúncia, mas o telefone estava fora de área.

Na sessão da Câmara de 11 de outubro de 2018, o vereador Isack Soares (PSD) já avia relatado este problema, a escrita da receita por alguns médicos em Macajuba, a falta de legibilidade nas letras tem deixado as Farmácias em situação complicada para despachar os remédios para os clientes.

Isack estava com algumas receitas nas mãos e chamou a atenção para o problema.

Vale lembrar que algumas Câmaras de Vereadores pelo Brasil, criaram leis que proíbem médicos escreverem em garranchos, o que pode ser feito pelo vereador Isack, com o apoio de todos os vereadores de Macajuba.

Segurança do paciente - O que diz a lei?
artigo 35 da Lei Federal nº 5.991, de 17 de dezembro de 1973, tornou obrigatória a escrita de forma legível das receitas médicas. Foi determinado que se o paciente tiver que recorrer a um farmacêutico para decifrar o que está escrito na receita, poderá formalizar uma denúncia no Conselho Regional da cidade contra o profissional. Conforme o texto, uma receita somente poderá ser aviada sob a seguinte condição: “...escrita a tinta, em vernáculo, por extenso e de modo legível, observados a nomenclatura e o sistema de pesos e medidas oficiais”.



Já o Código de Ética, de 2009, vedou ao médico receitar, atestar ou emitir laudos de forma secreta ou ilegível, sem a devida identificação de seu número de registro no Conselho Regional de Medicina da sua jurisdição, bem como assinar em branco folhas de receituários, atestados, laudos ou quaisquer outros documentos médicos”Se o profissional for denunciadoo CRM poderá adverti-lo, censurá-lo ou até mesmo cassar seu registro. É sempre importante relembrar que a prescrição é um dos objetivos da consulta médica e seu mau entendimento pode provocar riscos para o paciente. Um problema sério e que já resultou, em dados recentes, uma média assustadora de 7 mil mortes por ano.



legibilidade na prescrição médica também é de fundamental importância, pois implica diretamente no sucesso da internação hospitalar. Caso a receita médica não estiver corretamente redigida ou preenchida conforme as determinações do Conselho Federal de Medicina, os pacientes poderão ser prejudicados em seu tratamento. É recomendado que as receitas médicas devem ser entendidas e respeitadas por todos os profissionais de saúde, sendo que, ao médico, cabe o papel principal de dar o exemplo.

Veja a imagem da receita deixada pelo internauta na redação do Blog:

 



Publicidade:

Macajubense Dino Nery lançará clipe em SP nesta quarta-feira (27), saiba mais



RITA RIBEIRO e DINO NERY no Cabaret da Cecília? Sim!

Na próxima quarta-feira, 27/02, a partir das 22h30, na Rua Fortunato, 35, em Santa Cecília.

Ela vem do Rio de Janeiro e ele da Bahia especialmente para o lançamento do disco "Dentro da noite", a primeira parceria da dupla, em São Paulo.

"Dentro da noite" é uma homenagem de Rita Ribeiro e Dino Nery às cantoras e compositoras da vida noturna, como Linda Rodrigues e Aylce Chaves.

"Lama", "Companheiras da noite", "Farrapo de calçada" e "Dama vadia" são algumas das músicas que estão no repertório do show.

Rita Ribeiro é cantora e compositora com mais de quarenta anos de carreira artística, autora do clássico samba "Minha rainha" ("Olha, amor / Dediquei a você minha vida inteirinha / Do meu sonho de amor, fiz você a rainha / e você vem falando em separação..."), gravado por Nelson Gonçalves, Noite Ilustrada e Wilson de Assis, entre outros.

Dino Nery é um ícone da noite paulistana dos anos 1970 e 1980. Cantor especializado no samba-canção e na música de fossa, também ficou conhecido pelos números de transformismo que apresentava nas boates da cidade.

Além das músicas do disco, Dino Nery encarnará sua persona Nadjarian no Cabaret da Cecília para homenagear a cantora Nora Ney.

O disco "Dentro da noite" poderá ser adquirido no dia do show.



Imperdível!



Publicidade:

Wilhan Rodrigues no Verão na Praça em Baixa Grande!, confira os melhores momentos



Confira os vídeos do cantor Wilhan Rodrigues, no evento que aconteceu em Baixa Grande no dia 21 de fevereiro de 2019, o Verão na Praça.

Nesta imagem ele aparece ao lado da Promoter Carolina Oliveira.



Veja o vídeo:




Publicidade:

Após alinhamento com prefeita Mary e Vice Murilo Embasa não vai cobrar conta de mês que não caiu água em povoados de Malhada Nova e Santa Luzia, saiba mais



Após uma reunião com os gestores da prefeitura de Macajuba prefeita Mary e Vice Murilo, que foi realizada na Na tarde de quarta-feira dia 20/02/2019



A reunião foi com representantes da EMBASA (Flávia Santos, Tiago, Edson Carvalho, Cleriston e Tatiana) e os gestores da prefeitura de Macajuba.



A Embasa emitiu uma nota explicando que atendeu a solicitação dos gestores.



Vale informar que Thiago, gerente da Embasa, informou que no próximo fim de semana, que antecede o feriado de carnaval, a água será disponibilizada para os povoados.



Confira a nota:



 


Publicidade:

Publicidade Google

Publicidade Google