segunda-feira, 22 de outubro de 2018

Macajubenses marcaram presença no DNJ 2018 neste domingo (21) na cidade Utinga

(Fotos: Internautas)


Neste domingo, 21 de outubro de 2018, jovens da Diocese de Ruy Barbosa se reuniram em Utinga para celebrar o Dia Nacional da Juventude DNJ.O tema deste ano foi: juventude construindo uma cultura de paz. 


O evento deu início na praça principal da cidade, onde os jovens que ali estavam seguiram com bastante animação para o ginásio, aonde lá iriam da continuidade.

A abertura foi feita pela paróquia de Mairi, e em seguida a missa presidida por padre Carlos Marçal, foi uma missa belíssima onde Pe Carlos fez uma linda e forte homilia, dizendo que nosso Brasil precisa de paz, chega de violência de extermínio de jovens, falou de católicos que usam símbolos da igreja mais que muitas vezes não seguem os ensinamento do próprio Cristo ensinamentos estes que nos convida a dar um basta na violência e pra começar precisamos respeitar os nossos bispos(CNBB).



A parte da tarde os jovens de Wagner, Ipirá fizeram apresentações de acordo com os temas que foram estudados pelos grupos de Jovens, tivemos alguns testemunhos um deste foi do seminarista Oscar, padre Carlos que coordena um grande projeto de reabilitação em Ruy Barbosa levanta-te, inclusive um rapaz que faz parte deste projeto que hoje ele se reabilitou também contou seu testemunho... E encerrando com um grande show da banda jovem canto da paróquia de Ipirá.




De Macajuba teve uma caravana, onde muitos deles disseram a reportagem do Blog Deixa Comigo Macajuba(DCM), que o evento foi sensacional.


Veja o vídeo com os melhores momentos:



Publicidade:

Vereadora de Macajuba levou garrafa de água para a Câmara e disse “só tem essa no povoado onde resido”, mostrando-se indignada e abastecimento de água continua um descaso no município





Na sessão de quinta-feira, 18 de outubro de 2018, a vereadora Vanda da Malhada Nova(MDB), mais uma vez mostrou sua indignação com a falta de água no município em especial no povoado onde de Malhada Nova, onde reside a vereadora.

Indignada Vanda, que o povoado de Malhada Nova completou 99 dias sem água.

Vanda levou até o plenário uma garrafinha
com a única agua disponível para população da sua região, sendo que já está próximo de secar e não é de boa qualidade para o consumo humano. Outra coisa que deixou a vereadora indignada, foi que mesmo há 99 dias sem uma gota d’água nas torneiras dos moradores de Malhada Nova, funcionários da EMBASA, estariam tirando a leitura do contador, das casas que tem água encanada.



Vanda finalizou pedindo que a empresa tenha mais compromisso com o povo de Macajuba e disponibilize a agua com maior regularidade, para os moradores de todas as localidades, pois as contas chegam todos os meses, a Vereadora ainda lembrou que tempos atrás a água caia uma ou duas vezes no mês que mesmo não sendo o correto, era o suficiente para que os moradores mantenham, seus reservatórios cheios ou com água para os afazeres da casa,



Ainda disse durante a sua fala, Vanda disse que água estava começando cair de gota em gota em algumas casas.



A população confirma o que foi dito pela vereadora, apesar dos prepostos da Embasa ter informado, que o abastecimento se normalizaria, o Povoa de Santa Luzia também é um dos castigados e até na manhã desta segunda-feira (22) a água da Embasa só na promessa.



O distrito de Nova Cruz também com varias ruas sem água há 30 dias.



Na sede Macajuba, existe ruas também, onde os moradores reclamam.



Veja a fala da vereadora Vanda, vídeo postado pelo Blog Macajuba 24 Horas Online:


Publicidade:

Mega aniversário da Center Móveis e Eletros de Macajuba!



A Center de Macajuba está completando 3 anos, e preparamos para você cliente, ofertas imperdíveis, venham nos visitar nos dias 05 e 06 de novembro e confiram!



Fones: (74) 9 98160979 (74) 32592329

Conheça nosso site:

Rua Frederico Costa (Tomba) Macajuba Bahia

Publicidade:

VEREADORES DE OPOSIÇÃO SAEM EM DEFESA DE LUCIANO. E EVERALDO MACEDO DISPARA CONTRA ALISSON SANTANA: "NÃO VENHA QUERER PEGAR SEUS DEFEITOS PRA JOGAR EM CIMA DOS OUTROS.".

Na sessão da última quinta-feira, 18 de outubro de 2018, o grupo de oposição se uniu para sair em defesa do presidente do PSD, Luciano de Noé. Os discursos foram pautados pelo discurso inflamado que o vereador Alisson Santana havia feito contra Luciano na sessão do dia 11 de outubro, primeira sessão após a acachapante derrota do grupo da prefeita nas urnas.

Em seu discurso Everaldo Macedo desafiou o vereador Alisson a provar que Luciano tenha algum processo por corrupção. E prosseguiu: "o que existe são denúncias sem provas, infundadas e que foram repetidas muitas vezes na Câmara como se fossem verdades, mas não existe nada que desabone a conduta de Luciano". "São denuncias sem provas!", enfatizou Everaldo.

Everaldo relembrou que o vereador Alisson ficou mais de um ano recebendo salário de forma ilegal, como vice-diretor da creche e ainda recebeu material de construção da prefeitura para reforma da sua casa. O edil prosseguiu dizendo que Alisson quer jogar pedra no telhado dos outros, mas esquece de que tem telhado de vidro. E concluiu "não venha querer pegar seus defeitos pra jogar em cima dos outros.".

Durante a sua fala, Everaldo também rebateu acusações infundadas feitas pelo vereador Adenor Brandão contra ele e desafiou o colega a mostrar qualquer processo que exista contra ele por corrupção.



Quem também saiu em defesa do presidente do PSD foi o vereador Isack, dizendo que apesar dos reiterados ataques feitos a Luciano nas sessões da Câmara, até hoje nada foi provado e não houve nenhuma condenação.

Isack relembrou que o grupo da prefeita dizia que Luciano não seria o candidato em 2016, mas a prova que não existe nada que desabone a conduta de Luciano foi que ele registrou sua candidatura normalmente na última eleição. Isack também relembrou os casos de denúncia envolvendo o vereador Alisson Santana.



Outro que falou sobre os ataques feitos pelo vereador Alisson Santana, foi o edil Hugo Macedo. O argumentou que os ataques que estão sendo feitos a Luciano é desespero de uma gestão desorganizada e amedrontada pelos maus resultados nas eleições desse ano.



Com coesão nos discursos da última sessão, a oposição mostra que os resultados conquistados nas urnas, no último dia 7, foi fruto da união do grupo em torno de um projeto que visa melhorar a vida dos macajubenses, especialmente dos mais pobres.

Matéria enviada pela bancada de oposição.


Publicidade:

Publicidade Google

Publicidade Google