Deixa Comigo Macajuba: Entenda cabelo cacheado não é moda ele é uma característica genética e sempre existiu, leia este texto e saiba mais

Publicidade Google

Ouça ao vivo Web Rádio DCM

Publicidade Google

Ouça a matéria em áudio

domingo, 19 de maio de 2019

Entenda cabelo cacheado não é moda ele é uma característica genética e sempre existiu, leia este texto e saiba mais

|    
© Unsplash

Muitas vezes fazemos comentários que achamos ser inofensivos, porém, não temos ideia do quão profundos e invasivos eles podem ser. Se você, alguma vez, já disse para alguém que o cabelo cacheado dessa pessoa era “moda”, esse texto é para você. Leia e entenda porque você deveria mudar os seus hábitos e repensar esse tipo de comentário, ok?!

Primeiro, porque cabelo cacheado não está na moda, ele é uma característica genética e sempre existiu

Não há como dizer que uma característica física e genética é um aparato da moda. Isso porque o cabelo crespo, assim como o liso, sempre existiu. Entretanto, os padrões de beleza da sociedade nunca permitiram que as pessoas de cabelos cacheados usassem os seus fios naturais livremente, sem que passassem por um julgamento social, olhares, desprezo e até mesmo xingamentos. Por esse motivo é que cacheadas e cacheados passaram anos sem serem vistos aos montes por aí, pois tinham que esconder a sua característica genética por baixo de um cabelo alisado com química ou prancha. Portanto, não, o cabelo cacheado não é moda.

Quem tem cabelo cacheado não assumiu seus cachos porque queria “estar na moda”

, Exibir os cachos hoje não tem nada a ver com moda. As pessoas de cabelos cacheados agora se sentem um pouco mais livres para assumir os seus cachos e suas origens porque finalmente estão conseguindo se libertar de anos de ditadura capilar em que apenas o cabelo liso era aceitável. Poder usar o cabelo natural finalmente é uma vitória para os cacheados, resultado de anos de luta por equidade social, luta essa que ainda está muito longe de terminar, mas já deu grandes passos. Dizer que o resultado das lutas de alguém na verdade é apenas “entrar na moda” é algo muito ofensivo.

Uma cacheada não vai deixar de ser cacheada se a “moda” passar

Primeiro porque historicamente ela sofreu muito para conquistar o direito de usar o seu cabelo cacheado, muitas também batalharam demais durante a transição capilar para recuperar os cachos depois de anos de química. Portanto, jamais largariam todo esse esforço por algum tipo de “moda”. Sem mencionar que mesmo se ela decidir usar o cabelo alisado em algum momento, será simplesmente porque ela quis e não porque “a moda cacheada passou”. E, por fim, o cabelo cacheado é genético, estará sempre com ela, não é uma moda que dá para passar.

Antes de dizer algo assim, avalie se você sabe o que essa pessoa já passou por não poder usar o seu cabelo natural

Se o seu cabelo é liso, com certeza você nunca passou por nenhum tipo de discriminação em termos históricos e não sabe o que é ser obrigado a alisar o cabelo para ser minimamente aceito pela sociedade. Não sabe o que é perder uma vaga de emprego pelo seu cabelo, não sabe o que é se submeter a químicas de alisamento quando ainda era criança, você não sabe… Nesse momento é importante ser empático com a dor do outro e pensar duas vezes em dizer que tudo o que essa pessoa passou é diminuído a uma simples “moda”. Caso você tenha cabelo cacheado natural, que tal pensar melhor sobre tudo o que você mesma (o) passou e, mesmo que não te incomode, vale respeitar a maneira como os outros sentem as coisas, afinal, ninguém é igual a ninguém.

Usar o cabelo cacheado é um ato de resistência e não de moda

Mesmo hoje com o movimento de empoderamento do cabelo cacheado, levantar da cama e sair com os seus cachos na rua ainda é um ato de resistência. É resistir ao olhares tortos, às piadas infames, às humilhações e até mesmo aos comentários mais impróprios, portanto, certamente uma batalha como essa não pode ser chamada de moda.

Assumir os cachos é amar as suas origens e a sua ancestralidade, não tem nada a ver com moda

Aprender a amar as suas origens, o próprio cabelo, em especial quando historicamente o mundo dizia que ele era feio, é um exercício duro, lento e diário. É uma maneira de se redescobrir, se aceitar quem você é, do jeito que é. Fazer isso é recuperar aos poucos o amor próprio, é estimular a autoestima, tão fragilizada pela sociedade ao longos dos anos, portanto, está longe de ser moda.
Esperamos que esse texto tenha lhe ajudado a refletir um pouco sobre o quanto as palavras são fortes e sobre o significado do cabelo cacheado. Às vezes, é muito melhor ficar em silêncio do que ofender alguém. Na dúvida, reflita sobre o que passa na sua cabeça e tente decidir se realmente vale a pena seguir em frente com esse comentário.


Publicidade

Comente com o Facebook:

Deposito de Bebidas São Bernardo

Bebidas, Gelo, Água, Carvão, Descartáveis e muito mais. Aberto todos os dias das 8:00 as 19 horas. Trabalhamos com evento, além de cerveja, frios.

Temos excelentes preços. Disque entrega: (74)9 99448708 Aceitamos cartão de credito e debito

Direção: Lais e Robson. AV. Frederico Costa, N 66. Centro, Macajuba BA

Publicidade Google

Arquivo do blog

Total de Visitas

Volte ao ▲ Topo