Deixa Comigo Macajuba: Extraiu um dente? Saiba os cuidados necessários após o procedimento, Se Ligue na agenda da Clionm Clínica Odontológica de Macajuba

Publicidade Google

Ouça ao vivo Web Rádio DCM

Publicidade Google

Ouça a matéria em áudio

domingo, 1 de dezembro de 2019

Extraiu um dente? Saiba os cuidados necessários após o procedimento, Se Ligue na agenda da Clionm Clínica Odontológica de Macajuba

|    


Dr Alexandre irá atender nessa segunda-feira (02) o dia todo

Terça o dia todo também.

Agende já a sua consulta.



O seu sorriso em boas mãos temos prótese dentaria, obturação, restauração, limpeza, aparelho ortodôntico.

Fones: Número de celular, com WhatsApp. 074 99956_1978 Fixo: (74) 3259 2179 , fale com a funcionaria Sarah.

Rua Dr José Marcelino de Souza nº 114 Macajuba Bahia.




Dica da Semana:



Depois de passar por uma extração de dente é necessário tomar alguns cuidados:

- Ficar em repouso nas primeiras 24 horas, com a cabeça sempre mais alta do que o corpo. Ao dormir você pode usar dois travesseiros.

- Fazer compressas geladas nas primeiras horas após a extração. O ideal é proteger a pele com vaselina ou uma toalha, por 20 minutos alternados com períodos iguais sem a compressa.

- Evitar falar, abrir a boca o mínimo possível no primeiro dia. Manter uma gaze sobre a região ferida nos primeiros minutos após a extração. - Evitar exposição ao sol, não praticar exercícios físicos e não tomar banho muito quente.

- Não fumar, não ingerir álcool.

- Seguir rigorosamente as recomendações do profissional com relação aos medicamentos, como dosagem, horários e forma de administração.

- Não escovar na região da ferida nas primeiras 24 horas e bochechar o mínimo possível, para não aumentar o sangramento.

- Após 48 horas, escovar os dentes sempre com escova macia e bochechar com calma, usando também enxaguante bucal para remover os resíduos de alimentos. Também é preciso escovar a língua. A ferida só fechará por completo após 10 a 12 dias.

- Não tentar remover os pontos por conta própria, aguarde o retorno no consultório para este procedimento com o próprio dentista.

- No primeiro dia, ingerir apenas alimentos frios ou gelados, pastosos ou líquidos (sorvetes, caldos, gelatina, sucos, leite, sopa, iogurte). Nos dias seguintes, procure ingerir alimentos não muito duros, mastigando do outro lado da extração.

- Não faça movimentos de sucção.

- Usar um cotonete embebido no enxaguante para limpar a ferida e a sujeira retida nos pontos.

- Não siga receitas ou métodos “populares” e não se automedique. Sempre peça orientação com seu dentista em caso de qualquer dúvida.
Complicações após extração sem devidos cuidados:



- Dor com alveolite, quando por algum descuido o coágulo que se forma na cavidade deixada pelo dente extraído se desloca, deixando o alvéolo seco, o que provoca muita dor. Pode ocorrer por fumo, bochechos vigorosos ou mastigação de alimentos duros no primeiro dia após a extração. Retornar ao dentista para que ele limpe a cavidade e receite a medicação correta.

- Inchaço da região, com dor e febre.

- Hemorragia, por exposição ao calor ou por exercícios físicos nas primeiras horas após a extração.

- Infecções, que podem avançar pelo corpo, como as endocardites bacterianas que afetam o coração de um paciente com problemas cardíacos e que não siga as orientações corretas de medicação.

- Dificuldades de mastigação e fala nas primeiras 24 horas são comuns, devendo-se seguir o repouso e demais cuidados citados anteriormente.

- Deslocamentos de dentes vizinhos aos espaços deixados, por falta de reposição dos dentes perdidos, o que causa má oclusão e desgastes dos elementos do lado mais utilizado.

- Gosto de sangue na boca, se a contenção com gaze nos primeiros minutos não for seguida, se dormir de cabeça baixa.

- Mau hálito.

- Os pontos podem se soltar, se houver movimento brusco perto da região da extração, durante as refeições ou higiene bucal.

Em todas as situações, consulte seu cirurgião dentista para tirar dúvidas e siga suas orientações para que seu pós-cirúrgico seja tranquilo.
Necessidade de implante



Após a extração, torna-se necessária a reposição do elemento perdido e o implante é a melhor opção para indivíduos que tenham boas condições de saúde, higiene e suporte ósseo. Não é indicado para crianças, diabéticos, fumantes, pacientes com problemas cardíacos graves.

A técnica usada dependerá da avaliação do profissional, podendo ser um implante colocado logo após a extração. Neste caso, quando não há grande perda óssea ou gengival, o implante poderá ser instalado imediatamente à remoção do dente, evitando a reabsorção óssea, em um único tempo cirúrgico e permitindo uma melhor cicatrização.

Não havendo essa indicação, será feita a técnica da osseointegração, onde há uma cirurgia para colocação do implante e alguns meses depois instala-se o dente (coroa).

Em ambos os casos, os benefícios da estética, a manutenção da mordida e mastigação corretas e a autoestima são consequências positivas para o tratamento com implantes.

Nos casos em que não for possível a substituição por implantes, avalia-se a possibilidade da prótese fixa ou da removível.

* Roberto Andrade Terini é dentista de adultos e crianças (CROSP 46020)




© Getty Images Extração dental

Publicidade

Comente com o Facebook:

Deposito de Bebidas São Bernardo

Bebidas, Gelo, Água, Carvão, Descartáveis e muito mais. Aberto todos os dias das 8:00 as 19 horas. Trabalhamos com evento, além de cerveja, frios.

Temos excelentes preços. Disque entrega: (74)9 99448708 Aceitamos cartão de credito e debito

Direção: Lais e Robson. AV. Frederico Costa, N 66. Centro, Macajuba BA

Publicidade Google

Arquivo do blog

Total de Visitas

Volte ao ▲ Topo