Blog Deixa Comigo Macajuba (DCM): O dia mundial do Coração passou, mais os cuidados devem continuar sempre, Cardiologista atenderá duas vezes na Clinica Santa Luzia em Macajuba neste mês de outubro, saiba mais




WEB RÁDIO DCM estamos em caráter experimental






domingo, 30 de setembro de 2018

O dia mundial do Coração passou, mais os cuidados devem continuar sempre, Cardiologista atenderá duas vezes na Clinica Santa Luzia em Macajuba neste mês de outubro, saiba mais

|    


O Blog líder em acessos de Macajuba falou do Setembro Vermelho, recebemos a boa notícia que no mês de outubro o alerta continua na Clinica Santa Luzia em Macajuba, com atendimento do Cardiologista nesta segunda-feira, 01 de outubro de 2018 e no dia 15 também de outubro.



Comemorado no ultimo sábado, 29 de setembro, o Dia Mundial do Coração tem o objetivo de alertar a população sobre os cuidados necessários para manter uma boa saúde, através de hábitos saudáveis e exames periódicos.

A data foi definida no ano 2000 pela WHF – World Heart Federation – para lembrar uma das maiores causas de óbitos no mundo. No Brasil, de acordo com o Ministério da Saúde, cerca de 300 mil indivíduos por ano sofrem IAM (infarto agudo do miocárdio), que acaba sendo fatal para 30% deles.

Apenas em Santa Catarina, de acordo com os dados da Secretaria de Estado da Saúde (SES), foram registradas 10,9 mil mortes relacionadas a problemas do coração. As doenças do aparelho circulatório, que incluem infarto do miocárdio e insuficiência cardíaca, resultaram em 33,2 mil internações no ano passado.

O diretor do Instituto de Cardiologia de Santa Catarina (ICSC), Jamil Cherem, explica que vários fatores de risco podem causar doenças cardíacas, sendo alguns deles evitáveis. “Fatores genéticos e o envelhecimento da população são pontos que não podemos evitar. Homens acima dos 55 anos e mulheres acimas dos 65 anos já contam com maiores possibilidades de doenças cardíacas, mas os cuidados com o coração podem ser adotados em qualquer fase da vida”, destaca.

Obesidade, hipertensão, ingestão de álcool e tabagismo, stress, além de alimentação inadequada são alguns dos principais fatores de risco. Entretanto, de acordo com o diretor do ICSC, não adianta apenas tratar o paciente quando ele apresenta esses problemas. “Existem os fatores clássicos, mas é preciso trabalhar a prevenção ao invés de tratar o indivíduo apenas quando ele for obeso, diabético ou hipertenso. A prevenção é primordial”, ressalta. “Não adianta fazer check-up todos os anos e achar que está bem sem adotar um estilo de vida saudável, com prática de exercícios regulares e alimentação adequada. O exame pode estar bom, mas, sem mudança de hábitos, não adianta”, acrescenta.
Sinais de alerta



Principais fatores de risco para eventos cardiovasculares: histórico familiar, estresse, hipertensão, diabetes, dislipidemia (níveis elevados de gordura no sangue), tabagismo, obesidade, sedentarismo e doença da tireoide.

Alguns sintomas que podem ser observados: falta de ar ou cansaço, que antes não eram percebidos, principalmente após a realização de algum esforço físico; dor como aperto; queimação ou pontada na região do tórax associada a formigamento ou dor no braço esquerdo e dor na região da mandíbula ou nas costas. Estes sintomas devem alertar o indivíduo a procurar um cardiologista.




Fonte: Floripa News




Publicidade:

Comente com o Facebook:

Deposito de Bebidas São Bernardo

Bebidas, Gelo, Água, Carvão, Descartáveis e muito mais. Aberto todos os dias das 8:00 as 19 horas. Trabalhamos com evento, além de cerveja, frios, alimentos você também encontra o delicioso picolé.

Temos excelentes preços. Disque entrega: (74)9 99448708 Aceitamos cartão de credito e debito

Direção Lais e Robson AV. Frederico Costa, N 66. Centro, Macajuba BA

Arquivo do blog

Total de Visitas

Volte ao ▲ Topo