sábado, 29 de setembro de 2018

Em jogo de 5 gols, time do Malhada Nova vence Popular News. Confira o vídeo dos melhores momentos.

Na tarde deste sábado (29) aconteceu mais um jogo pelo Campeonato Municipal de Futebol Amador de Macajuba 2018.

No confronto se enfrentaram Malhada Nova x Popular News.

Foto: Max Ribeiro / Malhada Nova FC

No primeiro tempo o time do Popular News começou atacar mais, teve duas chances reais de gola desperdiçadas, mas após parada técnica, parece que o time da Malhada Nova acordou e começou a virar o jogo em questão de pressionamento, e após receber bola em seus pés na área Neco camisa 9 chutou no ângulo direito do goleiro e abriu o placar para a Malhada Nova, e continuou pressionando até conseguir seu segundo gol com Neco novamente, o camisa 9 recebeu a bola na frente após erro da zaga do Popular News, só ele o goleiro, e chutou no canto esquerdo ampliando o placar para 2x0 e terminou assim o primeiro.



Já no segundo tempo, as equipes equilibraram a partida, mas logo depois o Popular News começou a pressionar tentando o gol e em bola lançado de escanteio Jorge camisa 4 diminui de cabeça, levando o placar pra 2x1, o Popular News continuou pressionando na tentativa de empate, mas em contra-ataque fatal, Alê recebeu de fora da área e chutou de chapa fazendo um baita golaço ampliando o placar para 3x1 a favor da Malhada Nova, mas não parou por aí, no finalzinho após bagunça na área Tinho camisa 7 pegou a sobra e chutou no gol, sem chances para o goleiro.



Placar Final
MALHADA NOVA 3X2 POPULAR NEWS.




Publicidade:

Estudantes de Macajuba lembram o Setembro Vermelho, neste sábado (29) é o Dia Mundial do Coração

(Fotos cedidas pelo organização)
A campanha Setembro Vermelho foi criada para prevenir a população das doenças cardiovasculares. Mais do que sentir seu coração é fundamental ter consciência sobre ele.

Trabalho realizado com algumas turmas do CECC 2ª série e no JP 9° Ano, lembrou a preocupação no aumento das doenças cardiovasculares em jovens.



A quantidade de vítimas das doenças cardiovasculares é alarmante. Os problemas do coração representam 43% dos óbitos no planeta, sendo a primeira causa de morte no Brasil e no mundo. 





As doenças cardiovasculares causam o dobro de mortes que todos os tipos de câncer juntos; três vezes mais que todas as causas externas (acidentes e violência); três vezes mais que as doenças respiratórias e seis vezes mais que todas as infecções, incluindo a AIDS.



Frente à grandiosidade do problema, o objetivo não poderia ser tímido. Em 2014, decidido a mudar o panorama da saúde do coração no Brasil, o Instituto Lado a Lado pela Vida idealizou a campanha Siga Seu Coração e Tome uma Atitude.



As doenças do coração atingem população cada vez mais jovem e


Campanha Setembro Vermelho procura conscientizar sobre a importância da prevenção das doenças cardiovasculares.






Em entrevista o sobre a prevenção das doenças cardiovasculares, o cardiologista do Instituto Lado a Lado Pela Vida, Marcelo Sampaio, citou alguns sinais que indicam que o nosso coração não vai bem, entre eles a dor no peito ao fazer algum esforço. Segundo Sampaio, mesmo que nunca tenha percebido nenhum sintoma de problema cardíaco, a pessoa com menos de quarenta anos deve ter, no mínimo, registros sobre a pressão, o colesterol e a glicemia. E pra quem já chegou aos quarenta, o indicado é incluir exames mais especializados à rotina.



O cardiologista afirmou que os cuidados com o coração devem começar desde a infância “Nós temos assistido hoje que as doenças do coração têm ficado cada vez mais precoces, se instalando em pessoas com idade abaixo de 30 anos. Isso se deu por conta da nossa alimentação, o sedentarismo, uso de drogas. Antigamente, elas se instalavam acima de 40, 50 anos. Hoje em dia, um jovem de 17 anos, de 25 anos, é muito comum ter um infarto, e é o que a gente quer evitar”, explica.


No dia 29 de setembro é celebrado mundialmente o Dia do Coração, desde o ano 2000. O objetivo é divulgar os perigos das doenças do coração e prevenir possíveis ataques.



Todos na mesma batida por um coração mais saudável.

Videos:



Publicidade:

DEPUTADA FABÍOLA MANSUR INDICA AO GOVERNADOR A PRORROGAÇÃO DO CONCURSO DA PM

(Fonte: Ascom: Deputada)



A deputada estadual Fabíola Mansur (PSB) indicou ao governador Rui Costa a prorrogação do concurso público promovido pelo Edital 01/2017 para policiais militares e bombeiros do Estado da Bahia.

O documento foi protocolado em regime de urgência junto à Mesa Diretora da Assembleia Legislativa da Bahia nesta quarta-feira, 26, visto que o prazo para a prorrogação expira no próximo dia 6 de outubro, data em que o certame completa um ano de sua homologação.

“A necessidade dos serviços, somada ao princípio da economicidade demandam a prorrogação da validade do concurso público”, justifica a autora da proposição, alegando que a medida permitirá ao governo fazer novas nomeações a partir de 2019 sem a necessidade de realizar novo concurso.

“Na qualidade de Deputada e Presidente da Comissão de Educação, Cultura, Ciência e Tecnologia e Serviço Público, exsurge para a subscritora o dever de promover e envidar todos os esforços para salvaguardar a qualidade e a universalidade dos serviços públicos, mormente da segurança pública”, destaca a parlamentar.

A iniciativa atende à demanda trazida por uma comissão de representantes do movimento formado por candidatos aprovados pelo concurso, mas que não foram convocados. Previsto para nomear 2.000 policiais e 750 bombeiros, o concurso convocou mais de três mil candidatos, mas deixou de fora cerca de outros 3.000 habilitados. O governador reconhece a necessidade de aumentar o efetivo, mas alega que não pode cometer “a irresponsabilidade de nomear sem ter recursos suficientes para pagar”, como vem acontecendo em outros Estados em que os atrasos de salários de servidores viraram rotineiros.

A deputada Fabíola Mansur argumenta, entretanto, que a prorrogação do concurso não configura obrigatoriedade de nomeação, mas protege o Estado de ter de contrair despesas adicionais com a confecção de um novo concurso público e garante as condições legais para a convocação de outros candidatos, caso o cenário da arrecadação financeira assim o permita.
Publicidade:

Publicidade Google

Publicidade Google