Deixa Comigo Macajuba: Iluminação pública no município de Macajuba continua sendo o "calcanhar de Aquiles" da gestão Mary e Murilo, confira novas reclamações sobre o setor e vereadores do MDB se equivocaram sobre a taxa

Publicidade Google

Ouça ao vivo Web Rádio DCM

Publicidade Google

Ouça a matéria em áudio

quinta-feira, 5 de setembro de 2019

Iluminação pública no município de Macajuba continua sendo o "calcanhar de Aquiles" da gestão Mary e Murilo, confira novas reclamações sobre o setor e vereadores do MDB se equivocaram sobre a taxa

|    




É bem verdade que é inevitável queimar uma lâmpada ou até mais em sua Rua, isso é natural, mas no município de Macajuba este setor é o mais crítico da atual gestão, algumas pessoas e até personalidades do município sofrem represália e até desdenho pelo responsável que faz o serviço.

Na sessão de quinta-feira,29 de agosto de 2019, o assunto novamente foi pauta na sessão quando Isack Soares (PSD) voltou a falar da deficiência da iluminação na Rua Aurora em Nova Cruz, além da falta de iluminação por coação nas proximidades da casa do blogueiro Cristiano Silva, o edil falou da falta de lâmpada no finalzinho da Rua.

Allison Santana (MDB) falou que visitou uma das Ruas de Macajuba, que foi solicitada uma lâmpada pelo senhor Luiz Araújo e disse que ia solicitar da prefeitura o reparo, mas o edil se equivocou ao falar da taxa de iluminação ao dizer que é uma contribuição e que o valor pago é de apenas R$ 2,00, onde o valor da taxa é de acordo com o valor da conta, existe comércios que paga até R$ 35,00 de taxa de iluminação e pra piorar muitos deles tem que deixar uma luz na frente acesa por conta da péssima iluminação, como é o caso dos pontos comerciais que existe na Rua 7 de Setembro em Nova Cruz, Rua onde reside o fiscal do distrito.

A taxa de iluminação não é uma contribuição e sim um imposto a mais no bolso dos macajubenses, claro e evidente que não é ilegal, pois é constituinte, esse imposto foi criado no Brasil para ajudar no custeio da iluminação pública, Allison alegou que a prefeitura gasta mais do que arrecada com a taxa, isso é natural, pois a taxa é apenas para ajudar no custeio e como bem lembrou o vereador Neto Macedo(PSB), com taxa ou sem taxa, o cidadão tem direito a uma iluminação de qualidade, pois existe outros impostos da receita, como IPTU e outras contribuições.

Ainda sobre a fala de Allison sobre o gasto com a iluminação, fica um questionamento por que tantas luzes acesas durante o dia e enquanto umas Ruas estão as escuras?

Ivanberg Pamponet(MDB) se equivocou também ao falar da cobrança da taxa de iluminação na zona Rural, em visita a Coelba, foi dito a Cristiano Silva e Neto Macedo, que até na zona Rural a prefeitura tem obrigação de manter iluminada, pois os moradores pagam a taxa.

Durante está semana, outras reclamações surgiram sobre a iluminação pública como é o caso da Rua Nova em Nova Cruz, que tem 30 dias que os moradores solicitaram a troca de uma lâmpada, já que a iluminação ainda é pouca no local, que é próximo a um bar e só na tarde desta quinta-feira, (05) foi trocada, após vários pedidos dos moradores.


Na Rua do Cruzeiro próximo sentido ao hospital, também aparece no escuro.


Vale lembrar que o custeio com luzes acesas durante o dia tem sido grande, como é o caso desse refletor no povoado de Malhada Nova.


Até quando a gestão Mary e Murilo vai continuar deixando a Iluminação pública no município de Macajuba continuar sendo o "calcanhar de Aquiles"?





Publicidade

Comente com o Facebook:

Deposito de Bebidas São Bernardo

Bebidas, Gelo, Água, Carvão, Descartáveis e muito mais. Aberto todos os dias das 8:00 as 19 horas. Trabalhamos com evento, além de cerveja, frios.

Temos excelentes preços. Disque entrega: (74)9 99448708 Aceitamos cartão de credito e debito

Direção: Lais e Robson. AV. Frederico Costa, N 66. Centro, Macajuba BA

Publicidade Google

Arquivo do blog

Total de Visitas

Volte ao ▲ Topo